Os senadores americanos te respondem. E os brasileiros?

Em maio, o Youtube lançou o Youtube TownHall, “uma plataforma online para membros do congresso debaterem e discutirem virtualmente as principais questões do país”.

Os usuários do Youtube mandam perguntas. Para as mais votadas, um senador republicano e um democrata respondem em vídeo. E você vota no final, conforme seu posicionamento. Este mês as questões mais debatidas orçamento, transparência e Afeganistão.

E eu sempre me pergunto: Por que os governos no Brasil (federal, estaduais e municipais) não pensam em parceria com empresas de tecnologia como o Google para alavancar sua transparência e participação da sociedade? Em outros posts, falei por exemplo, que o Quênia fez parceria com o Google para construir seu portal da transparência, e que NYC anunciou parceria com Google, Facebook e Foursquare no seu plano digital , entre outras iniciativas. Mas no Brasil, não vemos isso. Por quê, #brasiu? Se alguém souber de iniciativa similar aqui, me conte!

Advertisements

A velha política na nova mídia

Pelo que entendi, não tem nada demais. É apenas um canal no Youtube. Qual a diferença? Quando o google começa a dar dicas para que os governos estejam presentes no Youtube e tenham seus próprios canais, vejo boas consequências, porém sem grandes mudanças.

Fica mais fácil convencer governos a entrarem, a partir dos exemplos de outros e compartilharem mais informações sobre o que acontece com os cidadãos. Tem a vantagem dos governos verem que não precisam gastar tanto com televisão, pelo menos a médio prazo. Mas sem mudanças culturais, provavelmente o que veremos é o famoso “mais do mesmo”: muita progaganda e comentário moderado.

Bila Amorim.