Manual de Open Data

Quer saber mais sobre Open Data? Aqui tem um manual bastante fácil de consultar. Explica o que é, porque e como disponibilizar dados abertos.

Versão em inglês: http://opendatahandbook.org/en/

E a complementação que recebi nos comments:

Em português:  http://opendatahandbook.org/pt_BR/

“Também temos o Grupo de trabalho da W3C (http://www.w3c.br/GT/GrupoDadosAbertos), da qual faço parte onde disponibilizamos mais informações como o Manual de dados Abertos para Governo (http://www.w3c.br/pub/Materiais/PublicacoesW3C/Manual_Dados_Abertos_WEB.pdf), para desenvolvedores (http://www.w3c.br/pub/Materiais/PublicacoesW3C/manual_dados_abertos_desenvolvedores_web.pdf), e esta semana realizamos a Conferência de Dados Abertos para Transparência e Controle Social – Consocial (http://conferencialivre.w3c.br/)”

Obrigada!

huduma – uma plataforma para mudar a cadeia de valores

 

A ONG Social Development Network (SODNET) e o Kenya Treatment Access Movement fizeram uma parceria com a Associação médica do Kenya e lançaram o Huduma, uma plataforma online para dar voz aos cidadãos sobre os serviços de saúde oferecidos no país. Outros serviços básicos também estão sob o olhar dos quenianos nesta plataforma, que pretende mudar a cadeia de valores do sistema a partir da demanda dos cidadãos.

Aliás, alguns já chamam o Quênia de “Vale do Silício da África”.

Vale ver e questionar: por quê ainda não fizemos isso no Brasil?

Crianças invisíveis 2

Este vídeo, que já é o viral que se espalhou mais rápido na história da web, mostra o caso de Jacob, uma das crianças invisíveis de Uganda. Mais importante que isso, mostra o rosto de Joseph Kony, o criminoso líder desta guerra.

Mostra também a força que cada um de nós tem e a diferença que cada um de nós pode fazer.

Aqui o link para você ajudar também.